Vitória

Minha vitória está nas minhas palavras. No recado bem dado. Na delicadeza. Em responder as cuspidas, as revoltas, as loucuras com frieza nenhuma.

Você sempre achou que não tinha escolha


Que teria que ser vitória até nas derrotas 


Perfeccionista 


Queria acertar de primeira 


Foi necessário quebrar a cara algumas vezes 


Foi no lápis e no papel 


Que seu nome fez sentido 


Ser vitória era por pra fora 

Minha vitória está nas minhas palavras


No recado bem dado


Na delicadeza


Em responder as cuspidas


As revoltas 


As loucuras 


Sem frieza nenhuma 


Sou guerreira 


Sem espada


Do abraço bem dado 


Minha defesa


São cartas 


Sou a guerreira 


Que entrega flores 


Pros adversários 


Não vim pra ganhar 


Vim pra soletrar 


Minha história 


Minhas palavras são minha flecha 


Sou cupido disfarçado 



Nome pretensioso 


Só me tornei ele 


Ao abrir 


Meus olhos 


Pros detalhes


Quando recebi 


Tudo que vivi 


Com outro olhar 


Pra transformar 


Todas esbarradas 


Cutucadas


Porradas


Em amor pra dar 



Pra todas as quadrilhas que vou enfrentar 


Pra todas armadilhas que colocam 


No meio do caminho 


Respondo 


Com frases 


Com encaixe 


Com escolha de letras 


Meu troco


Pra todos os socos 


São letras de amor 



Com a escrita 


Sou vitória


Vitória de Ana Victoria


Oh glória

Ana Victoria
InsTAGRAM
Outras histórias